Alterações lombo-pélvicas em pessoas com e sem dor lombar.

Esta revisão sistemática já é de 2014, mas demostrou dados muito importantes entre pessoas com dor lombar comparadas com pessoas assintomáticas.



Resultados e conclusões:

- Não existe diferenças na lordose lombar e ângulo pélvico. Ou seja, não existe alterações posturais.

- Não existe diferenças na flexão do tronco relativamente à contribuição da lombar e anca. Portanto, a questão que as pessoas se dobram apenas à custa da coluna lombar ou da anca não se verifica.

- Conclusão: Pessoas com dor lombar têm uma diminuição da amplitude de movimento, propriocepção e movem-se mais devagar.

- Esta informação é fundamental para a abordagem terapêutica à dor lombar.



31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo